A influência do skate na street wear

A influência do skate na street wear

Falar em moda urbana e não citar a presença do skate é, praticamente, impossível. A prática dessa atividade, que se transformou em esporte de verdade, tem tudo a ver com as fundações da street wear.

A ligação é tão grande que é até difícil imaginar o que seria da moda street sem esse componente. Afinal, as escolhas fashion se transformaram em uma espécie de identificação e permitiu a criação de uma cultura própria.

Para entender melhor essa influência, confira alguns pontos da íntima relação entre skate e street wear.

A construção do estilo em Los Angeles

Foi na década de 70 que o skateboarding, como é chamada a prática, começou a surgir. O cenário eram as praias e ruas agitadas de Los Angeles, na Califórnia. O clima mais quente do que no restante do país ajudava os praticantes do esporte a aproveitarem ao máximo as possibilidades da rua.

O movimento ganhou força na mesma época dos surfistas. Nesse período, as pranchas de surfe e as do skate atraíam interessados de todas as idades e classes sociais. Os jovens passaram a se reunir com frequência para treinar e se divertir — e logo o movimento se propagou.

O crescimento para as ruas de Nova York

Já no começo da década de 90, a ideia tinha cruzado o país e migrado para Nova York. A Big Apple nunca foi ensolarada como a Califórnia, mas garantiu o fortalecimento do movimento.

Acompanhando o skate, o hip hop se consolidava. O gênero musical estava em alta e começava a explodir no cenário da metrópole. Em pouco tempo, os dois aspectos se fundiram e ganharam força.

A grande presença dos sneakers na street wear

Outro destaque para a influência do esporte na moda é que o uso dos sneakers começou a se tornar cada vez mais forte. O motivo é simples: para melhorar a prática, os skatistas precisavam de firmeza e segurança. Então, os tênis passaram a aparecer em novos modelos para atender a essa demanda. Um ótimo exemplo é a marca Vans, que se tornou uma verdadeira queridinha dos skatistas.

Após a migração para Nova York, o aspecto ganhou fôlego — afinal, a cultura hip hop sempre esteve ligada a esses calçados. A street wear, então, recebeu o complemento que parecia estar faltando.

A consolidação de uma cultura própria

O fato é que a influência do skate é assim tão grande por causa do seu papel de agregar pessoas e formar uma cultura. Andar de skate não é apenas uma atividade física ou um hobby. É algo que se converteu em um estilo de vida, o qual reúne pessoas com gostos e interesses parecidos.

Tal questão ajudou a consolidar a proposta da street wear, já que ela se transformou em forma de expressão, de identificação e de pertencimento a um grupo. Por isso, a relação é tão conectada.

O skate e a street wear têm tudo a ver porque são aspectos que surgiram juntos. Ao conhecer a influência desse esporte, fica fácil entender toda a cultura que envolve o tema, além das possibilidades de estilo!

Curtiu se aprofundar na história? Compartilhe o post nas suas redes sociais e espalhe a informação no rolê!

Adicionar um comentário


Cadastre-se na Newsletter
X

Receba nossos conteúdos por e-mail.
Clique aqui para se cadastrar.